Política

A FARRA DAS MULTAS NO AEROPORTO EM SÃO JOSE DOS PINHAIS

Vereador de Curitiba questiona o prefeito de São jose dos Pinhais sobre a quantidade de multas aplicadas em 2017 e 2018 no Município
(Foto: reprodução)

A justificativa do  vereador justificam-se os pedidos de informações devido ao aumento  reclamações dos cidadãos paranaenses à Câmara Municipal de Curitiba com relação às multas de trânsito aplicadas nas dependências do Aeroporto Internacional Afonso Pena, as quais, segundo os reclamantes, são aplicadas injustamente, haja vista não estarem incorrendo em infração, principalmente no momento de embarque e desembarque de passageiros. Como se sabe, a maioria dos usuários do aeroporto de São José dos Pinhais é de moradores de Curitiba e de outros municípios da Região Metropolitana. Informa portal Contra-Ponto 

 

Na proposição apresentada à Câmara, o Vereador  Mauro Ignácio quer saber, por meio de documento oficial a ser encaminhado ao prefeito do município vizinho:

1) Quantas autuações foram emitidas por motivo de “estacionamento em desacordo com a sinalização” no pátio do Aeroporto Internacional Afonso Pena nos anos de 2017 e 2018 respectivamente?

2) Quais os valores arrecadados por força das respectivas autuações naqueles anos?

3) Onde foi utilizado o valor arrecadado em decorrência de tais multas?

4) Qual o tempo necessário para caracterizar-se uma parada para embarque ou desembarque?

5) Qual o tempo necessário para caracterizar-se um estacionamento de veículo?

6) Estando o motorista presente no momento da autuação, lhe é entregue a multa “em mãos”?

7) Foram ou estão sendo programadas ações de orientação para o trânsito aos motoristas que frequentam o aeroporto?

8) Em caso de recursos às multas, protocolados neste departamento, as imagens do circuito de segurança do aeroporto podem ser utilizadas como prova?

9) Quantos agentes deste departamento trabalham na autuação de infrações de trânsito naquele aeroporto?

10) Considerando o fluxo de veículos que passam diariamente por aquele aeroporto, este departamento considera a área de parada para embarque e desembarque ideal?

Segundo Mauro Ignácio, as informações servirão para melhor avaliação por parte da Câmara de Curitiba e posterior desenvolvimento de políticas públicas que visem reduzir o número de infrações e autuações naquele local.